top of page

Posicionamento de marca

Atualizado: 3 de mar. de 2023

Vamos começar com um exercício básico para entendermos sobre posicionamento. Quando alguém cita a Coca Cola, por exemplo, quais são as palavras que veem a sua mente imediatamente? E se eu falar McDonald 's?


As palavras que você pensou são resultado de anos de construção de uma marca, com um posicionamento claro. Não há um lugar com um descritivo que fala que Coca Cola lembra juventude, alegria, família. São sensações criadas por todos os pontos de contato que nós temos com a marca.



imagem de uma garrafa de vidro de coca cola vista de cima, sob um fundo vermelho

Por.: Giorgio Trovato no Unsplash


It´s not what you say it is. It´s what they say it is. - Marty Neumeier - The Brand GAP.

Seja a embalagem, o comercial na TV ou o post no instagram.

Como marca, nós não determinamos exatamente o que as pessoas pensarão ao nosso respeito, mas podemos direcionar o caminho que mais está de acordo com o nosso propósito de existência.


Por: Taisiia Stupak no Unsplash


Mas onde entra o tal posicionamento de marca?


Posicionamento de marca é exatamente isso, a imagem desejada e que fica fixa na mente do seu consumidor.

O que o seu cliente pensa e fala sobre você com os amigos e parentes será influenciado pelo posicionamento que você escolher para sua marca.

Para nós, do Bora Conversar Studio, o elemento final de um posicionamento é um texto curto, que resulta da união de 3 elementos: Promessa básica + Justificativa + imagem desejada.


A Promessa básica é o elemento mais importante de benefício da marca, o retorno dos seus clientes será principalmente motivado por isso.


Já a justificativa é quando você tangibiliza a promessa básica. Então como você comprova o benefício que você promete: com infraestrutura, equipe, matéria-prima?


E por último a imagem desejada . Que será aquilo que ficará fixo na mente do consumidor, que vai gerar a percepção adequada que a gente tanto fala.


Depois dessas decisões e de somar todas as frases referentes à promessa básica, com justificativa e imagem desejada você terá o seu posicionamento de marca.



Mas qual a vantagem de ter um posicionamento?


Como a gente já conversou anteriormente, se você não leu essa nossa conversa é só clicar aqui, marcas existem para gerar diferenciação e elas são percepções.


Kevin Roberts no livro Lovemarks diz que " as marcas foram desenvolvidas para criar diferenças entre produtos que corriam o risco de não serem vistos, como certas pedras no meio do cascalho".


Ou seja, para que a percepção do seu público seja a que você deseja é muito importante se posicionar com clareza.


No livro Design de Identidade de marca da Alina Wheeler, ótimo livro #ficaadica, há uma citação de uma consultora chamada Lissa Reidel que diz “ O posicionamento tem o potencial de criar novas aberturas em um mercado super saturado e em mudança contínua”


Mais uma vez falamos sobre diferenciação. Todos nós sabemos o volume de marcas e informação que recebemos todos os dias. Para se destacar é necessário ser autêntico, verdadeiro e claro em seus objetivos.


E o posicionamento guia todas as decisões que são tomadas relativas a uma marca. Caso algo não reflita o posicionamento da empresa, não há motivos para seguir com determinada ação. Então, além de diferenciar, o posicionamento evita erros e decisões que não estão alinhadas com toda a empresa.



Como colocar em prática um posicionamento de marca


Definiu o posicionamento da sua marca? O primeiro público que precisa estar alinhado com essa decisão é o seu público interno, os seus colaboradores e diretoria. Serão eles que vão transformar um conceito em atitudes diárias que vão causar aquela percepção adequada que a gente sempre fala.


Por exemplo, a forma como o seu cliente é atendido nas redes sociais pode refletir, ou não, o seu posicionamento.

Então, uma marca bem posicionada começa com colaboradores alinhados.

Colaboradores alinhados, o que não quer dizer que você transmite o posicionamento uma vez e acabou, ok? É importante sempre oxigenar esse conceito com toda a equipe.


Vamos ao dia a dia. Verifique todos os seus pontos de contato, sejam digitais ou físicos e veja se eles refletem o posicionamento escolhido. Seja de maneira visual, textual ou de conteúdo.


Exemplificando. Digamos que no seu posicionamento a modernidade é um elemento muito importante. Será que o seu site está moderno? As suas redes sociais estão antenadas ao que está acontecendo no mercado?

Ou, para sua marca, o conceito de amigável é muito relevante. Mas as explicações sobre o uso do seu produto, que constam na embalagem, são zero amigáveis. Pode ser o momento de reescrever o modo de usar de uma maneira mais próxima, acessível. E que tal criar um conteúdo em vídeo explicando como usar o seu produto.


Nossa! Mas é muita coisa! Socorro!


Sim, é bastante coisa. Branding é a gestão do universo da marca, para que TODOS os pontos de contato reflitam a verdade da empresa e atraiam o público certo. Esse processo não acontece da noite para o dia, mas precisa ser iniciado e da maneira correta.


Para que você não se perca em apenas planejar e verificar quais são os pontos de contato a serem mudados, pense no plano de ação. Após mapear todas as mudanças, elenque as prioridades e determine o que é quando passará por alterações.


E é claro, vale lembrar que marca é um organismo vivo, então não existe um ponto final e sim uma nova descoberta, uma nova conquista em prol daquela percepção adequada que a gente vem conversando.


E se você quer estender essa conversa, precisa de auxílio com a sua marca, nós podemos te ajudar. Bora conversar!


59 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Commentaires


bottom of page